Cultura organizacional: Entenda seu impacto nos colaboradores e nos resultados

A cultura organizacional de uma empresa ou instituição é tudo aquilo que faz parte da criação e construção da identidade do lugar. Trata-se do conjunto de crenças, valores, hábitos, opiniões, costumes, comportamentos, missão, visão e interesses somados ao longo do tempo.

11/02/2021 | 10 minutos de leitura.

Você vai ler sobre:

  1.     O que é Cultura Organizacional?
  2.     Benefícios para sua empresa e seu colaborador
  3.     Como estabelecer sua cultura
  4.     Como avaliar sua cultura organizacional

A cada dia, novas maneiras e técnicas de fazer gestão de pessoas e equipes vêm surgindo no mercado de trabalho, fazendo com que os setores responsáveis estejam sempre em constante aprendizado. Um dos fatores mais importantes nesse sentido é a chamada cultura organizacional, que consiste na junção de hábitos, comportamentos e valores que servem de guia para as ações e o crescimento da sua empresa e da sua equipe.

Continue lendo este artigo para aprofundar mais sobre esse tópico, aprendendo sobre os benefícios para a sua empresa e seu colaborador, além de saber como começar e avaliar se cultura organizacional está sendo implementada de maneira correta.

O que é a cultura organizacional

A cultura organizacional de uma empresa ou instituição é tudo aquilo que faz parte da criação e construção da identidade do lugar. Trata-se do conjunto de crenças, valores, hábitos, opiniões, costumes, comportamentos, missão, visão e interesses somados ao longo do tempo.

No início da história de uma empresa, a cultura organizacional é formada por valores do fundador ou fundadores. Com o passar do tempo, esses valores vão se juntando, fundindo e difundindo com os dos demais colaboradores que passam pela história da organização. Todos têm uma pequena parte e função para ajudar a construir essa cultura.

Diferentemente do clima organizacional, a cultura é tudo aquilo que rege a organização, enquanto o clima são os sentimentos e nível de satisfação dos colaboradores de uma empresa.

Benefícios para sua empresa e seu colaborador

Os benefícios que uma cultura bem aplicada pode trazer para a sua empresa são vários e fazem parte de uma longa lista. Pensando nisso, separamos os principais, tanto para o negócio quanto para o colaborador. Com a cultura organizacional, todas as frentes saem lucrando.

Redução do turnover

O turnover, também conhecido como taxa de rotatividade, vem se tornando uma questão em muitas organizações, uma vez que os profissionais já não sentem a necessidade de ficar na mesma empresa por muito tempo e frequentemente mudam de emprego.

O turnover contempla saídas voluntárias e involuntárias dos profissionais de uma empresa. Assim, com uma cultura organizacional bem estabelecida, a retenção de talentos é algo bem mais fácil e tranquilo de se fazer, já que, assim, os profissionais têm suas expectativas alinhadas com a empresa e se identificam com a organização.

Ainda, com essa retenção, o turnover diminui e, junto dele, os gastos da empresa com uma cadeira vazia, uma nova contratação e, até mesmo, tempo e mão de obra da equipe de RH para poder abrir uma nova vaga.

Equipe engajada

Uma equipe engajada entre si, entre outras equipes e com a empresa no geral é um dos grandes benefícios que podemos encontrar. Quando o profissional sente que pertence ao local e se identifica com a cultura, o seu engajamento aumenta e, consequentemente, sua satisfação e sua produtividade.

Ambiente de trabalho saudável

Uma cultura organizacional positiva gera um clima organizacional positivo. Ainda, um ambiente de trabalho saudável, com uma gestão de pessoas eficaz, não causa tensão, estresse ou desgastes nas relações e nas entregas das demandas. Junto de uma equipe engajada, surge satisfação e prazer em se fazer parte daquele projeto.

Employer branding

Quando o cliente é bem tratado, ele fala bem da sua empresa para todos que quiserem ouvir. O mesmo acontece com os seus colaboradores. E quem melhor para falar bem da sua organização do que aqueles que vivem o dia a dia na pele? Funcionários satisfeitos divulgam a sua marca empregadora externamente, atraindo ainda mais talentos.

Como estabelecer a sua cultura

Para iniciar o processo de implementação de uma cultura organizacional concreta em sua empresa, é necessário a aplicação de algumas etapas importantes.

Missão, visão e valores

Como já mencionado, esses pilares são essenciais para haver uma cultura organizacional na empresa. Por meio deles, o direcionamento e planejamento são bem definidos e auxiliam o colaborador a conhecer um pouco mais do negócio e seus objetivos.

Entenda o seu colaborador

Diálogo é a palavra-chave para essa etapa. Ter uma conversa sincera, honesta e aberta com o colaborador, sobre a cultura da empresa e procurando alinhá-la às suas expectativas é essencial.

Ainda, lembre-se que é importante saber que não se pode agradar ou encaixar todo mundo dentro da sua cultura. Mas não abra mão do que foi estabelecido por medo de perder certo colaborador. A cultura está definida por um motivo e os profissionais corretos serão atraídos por ela.

Conheça suas prioridades

Para que a cultura seja colocada em seu lugar e exercida, é importante que as prioridades estejam bem estabelecidas. Para tanto, elas podem ser definidas em várias vertentes: desde processos com o cliente até rituais internos para os colaboradores.

Procure saber quais se encaixam melhor com a sua cultura e quais colaboradores vão aderir da melhor maneira. Prioridades bem definidas ajudarão a manter um relacionamento próximo aos clientes e aos colaboradores.

Como avaliar sua cultura organizacional

Se após todo esse conteúdo, você se interessou pelo tema, mas ainda não sabe avaliar como anda a sua cultura organizacional, agora, citaremos dois indicadores importantes para facilitar esse processo.

Presenteísmo

No presenteísmo, é analisado se o profissional realmente está presente na hora de realizar uma tarefa ou demanda. Presente não apenas fisicamente, mas sim mentalmente.

Para tanto, é necessário avaliar se ele está ou não focado na realização da demanda, se está insatisfeito e/ou desmotivado. O presenteísmo deve ser um indicador em baixa em uma empresa com cultura organizacional bem implementada.

Absenteísmo

Todos aqueles pequenos atrasos, faltas e saídas antes do fim do horário de trabalho resultam no absenteísmo. É comum que um colaborador necessite de alguns dias ou momentos para cuidar de problemas pessoais, mas é necessário que esse número esteja bem equilibrado.

Entenda que faltas frequentes impactam na produtividade do colaborador e da sua equipe, além de ser mais um indicador que deve estar em baixa para uma cultura organizacional saudável.

A cultura como identidade

Como vimos, a cultura organizacional cria e mantém uma identidade em comum em toda a organização, servindo como um guia para todas as ações, independentemente do tamanho da empresa. Assim, é possível desenvolver a sensação de pertencimento entre os colaboradores e coerência para a empresa.

Uma cultura organizacional bem estabelecida ajuda a fortalecer a empresa frente ao mercado e aos profissionais. Se você gostou desse conteúdo e deseja aprofundar mais seu conhecimento sobre cultura e comportamento, não perca o curso gratuito e online da Sólides sobre o tema.
 

Assinante: 

Este artigo foi escrito pela Sólides, plataforma completa de gestão de talentos com people analytics e gestão comportamental, que usa tecnologia para atrair, desenvolver e reter times de alta performance.

 

Leia também:

    Assine nossa newsletter

    Receba semanalmente nossos artigos direto na sua caixa de e-mail

    Não foi possível concluir a sua solicitação, tente novamente em alguns instantes.

    Peça agora uma demonstração!

    e veja como a Lumis pode ajudar a sua empresa

    Quero falar com um consultor